quarta-feira, 11 de junho de 2008

Festa Junina

O Balão
História Muda

Analise o desenho e me conte sua história...
( escreva em comentários sua história que irei publicarei depois)




4 comentários:

Fran disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Fran disse...

História muda

Chegou o mes das Festas Juninas.
Joãozinho,na escola aprendeu que
nesse mes ,comemora-se o dia de Sto
Antonio,São João e São Pedro...
E que todos fazem mtas festas,pra homenagear os Santos....
E mes de pipoca ,amendoim ,quentão,bandeirolas e até o famoso balão....
Incentivado chegou em casa e fez seu balão,seu cachorro Pipoca sempre do seu lado a olhar,o que seu dono fazia....
Sem noção do perigo ,Joãozinho foi soltar o balão e lá foi ele,pro céu,pro céu.....
Mas em vez de continuar subindo,o balão desceu e caiu sobre uma casa,já todo incendiado pondo em risco a vida do Seu pedro e da Dona Maria ,seus vizinhos....Mas os Bombeiros vieram e nada demais aconteceu..Assim Joãozinho tbm aprendeu que não se deve soltar balões.

historia escrita pela minha tia Bete de Campo Grande

Rose Diniz® disse...

Passei pra desejar uma semana de alegria e desejar toda sorte de bênçãos sobre sua vida. Muito boas as postagens de alerta dos balões.

Acabei de atualizar os blogs com novas postagens

Beijos docinhos

Anônimo disse...

eu acho isso errado balao é cultura estao tirando das nossas crianças o direito de conhecer de preto e corretamente como se fazer um balao do modo certo , que de vcs nunca quado criança, correu atras de um balao, juntou dinheiro com a molecada pra comprar papel fino pra fazer balao,agora vem um bando de ladrao que roubam do povo descaradamente e proibe uma arte milenar e o povo cego e manipulado como sempre ve o balao como um monstro temos que rever nossos conceito . balao é arte , balao é cultura, balao socom amor se faz. balao o montro da imaginaçao dos incapases de dominar essa arte magica i simbolica ass: chamel turma fantasma rio de janeiro . ps solto balaoes desde pequenininho meu avó era baloeiro meu pai meus tios eu sou meu filho é . nossa arte sobrevivera.